outubro 18, 2016

A VULNERABILIDADE É BELA | PRT 1

Whisper by Sara: A VUNERALIDADE  É BELA PRT 1 @whisperbysara

Eu passei anos construindo muralhas ao meu redor. Eu me capacitei a nunca estar exposta à possibilidade das pessoas me magoarem. Elas faziam isso, de qualquer forma – rs. Mas, não importasse a situação, decidi que me protegeria da maldade alheia. Estava me esquecendo de me proteger da minha própria impiedade...

Tudo o que fiz foi esconder quem eu era, e isso só me trouxe insatisfação. De fato, as pessoas me elogiavam pela minha sabedoria, porque eu sempre falava na hora certa. Eu nunca era aleatória, nunca deixava meus defeitos serem percebidos – eles eram percebidos, de qualquer forma, mais uma vez –, e como a Bíblia diz no livro de Provérbios: até mesmo o tolo de boca fechada aparenta ser sábio – tradução de hoje por Sara, rs.

Porém – sempre tem um "porém" quando você faz algo errado, mas ama a Deus – meses atrás, talvez um pouco mais de um ano atrás, o Senhor falou profundo ao meu coração.

“Quando Abigail viu Davi, desceu depressa do jumento e prostrou-se perante Davi, rosto em terra. Ela caiu a seus pés e disse: "Meu senhor, a culpa é toda minha. Por favor, deixa a tua serva lhe falar; ouve o que ela tem a dizer. Meu senhor, não dês atenção àquele homem mau, Nabal. Ele é insensato, conforme o seu nome significa; e a insensatez o acompanha. Contudo, eu, tua serva, não vi os rapazes que meu senhor enviou. "Agora, meu senhor, juro pelo nome do Senhor e por tua vida que foi o Senhor que o impediu de derramar sangue e de vingar-se com tuas próprias mãos. Que teus inimigos e todos os que pretendem fazer-te mal sejam castigados como Nabal. E que este presente que esta tua serva trouxe ao meu senhor seja dado aos homens que o seguem. Esqueça, eu te suplico a ofensa de tua serva, pois o Senhor certamente fará um reino duradouro para ti, que travas os combates do Senhor. E em toda a tua vida, nenhuma culpa se ache em ti. Mesmo que alguém te persiga para tirar-te a vida, a vida de meu senhor estará firmemente segura como a dos que são protegidos pelo Senhor teu Deus. Mas a vida de teus inimigos será atirada para longe como por uma atiradeira. Quando o Senhor tiver feito a meu senhor todo o bem que prometeu e te tiver nomeado líder sobre Israel, meu senhor não terá no coração o peso de ter derramado sangue desnecessariamente nem de ter feito justiça com as próprias mãos. E, quando o Senhor tiver abençoado a ti, lembra-te de tua serva". Davi disse a Abigail: "Bendito seja o Senhor, o Deus de Israel, que hoje a enviou ao meu encontro. Seja você abençoada pelo seu bom senso e por evitar que eu hoje derrame sangue e me vingue com minhas próprias mãos.” 1 Samuel 25:23-33

Primeiro, deixe que eu te situe na história. Nabal, marido de Abigail, era muito rico e possuía um grande número de animais nos seus rebanhos, que eram cuidados em Carmelo. E, enquanto estavam com Davi e seus guerreiros, foram muito bem protegidos. Contudo, Nabal não levou em consideração o que haviam feito por seus pastores quando Davi pediu mantimentos para ele e os homens que o acompanhavam, e recusou-se a prestar ajuda. Então, Davi decidiu que iria matar todos os homens da casa de Nabal. Uma grande tragédia era iminente. Para Nabal e para Davi.

Entretanto, havia uma mulher corajosa naquele lugar. Abigail juntou toda comida que pôde e correu até Davi antes que este chegasse à sua casa. Enfim, ela se humilhou diante de uma tropa de homens furiosos e famintos afim de suplicar misericórdia pela sua família. Abigail teve de se expor.

Quero dizer, esconder-se e chorar era tudo o que diriam para ela fazer. Era muito perigoso. Qualquer movimento em falso, só atrairia ira maior sobre sua casa. Abigail não podia fazer nada sobre os erros de seu marido. Diriam que deveria esperar o fim de sua família com honra e dignidade, pois, naquela época, as mulheres não podiam se atrever a tratar dos assuntos de seus maridos por eles. Por isso ela foi sem contar nada.

Abigail não se intimidou com aquela situação que lhe sobreveio por causa da insensatez de Nabal e a fúria de Davi. Ela se posicionou em um lugar que a deixava totalmente vulnerável, porque era o certo a se fazer. Não o sábio, talvez, mas o necessário.

Apenas abrindo um parênteses: sempre me chama a atenção a parte do filme "A Menina Que Roubava Livros" em que o Max, o judeu, fica doente por causa da brincadeira no dia de Natal. Liezel diz que eles não deveriam ter levado neve para o porão, que tinha sido uma tolice ter feito aquilo. Logo seu "papa" a interrompe e diz que talvez fosse o necessário. Este é o ponto.

Nem sempre o sábio é o justo. E, por justo, quero dizer o que está no coração de Deus que façamos. Soa muito estranho para mim também. Por isso, depois de tanto tempo, o Senhor ainda está trabalhando duro para me ensinar a não atender as expectativas de que eu seja perfeita e plenamente sábia, com uma pitada de superioridade. Não é o que o Pai quer para mim, e também não é o que eu quero. Além de ser irritante, é muito difícil.

“Tomem sobre vocês o meu jugo e aprendam de mim, pois sou manso e humilde de coração, e vocês encontrarão descanso para as suas almas. Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.” Mateus 11:29,30

Talvez, eu esteja sendo um pouco injusta com a sabedoria. Ela foi minha amiga durante toda minha vida. Mas a sabedoria baseada em uma "teologia" limitada, na religiosidade, não é a sabedoria de Deus. Os pensamentos do Altíssimo não cabem nos nossos. Estou certa que de vez em quando devemos correr em campo aberto para cuidar das coisas do Reino.

Quero dizer, Jesus se expôs para nos salvar. Honestamente, eu nunca diria que seria sensato você entregar uma criança pura para morrer no lugar de um assassino, não faz sentido. Ainda sim, o Deus Filho morreu por pecadores, por mim e por você. Nos amou mesmo que não fossemos amáveis. Porque é isso que Ele faz: Ele ama.


Já parou para pensar o quanto o Deus vivo nos amou que se tornou tão vulnerável ao ponto de nossas atitudes e decisões poderem agradá-Lo ou entristece-Lo, ao ponto dEle sentir ciúmes de nós, nada como somos. Tipo, qual é? Você tem noção de que Ele é THE DEUS ETERNO. Entretanto, sempre me ensina, lembra-me constantemente, que Ele é bom. Faz parte de Seu caráter, de Sua natureza Divina.

Amar não é fraqueza. Abigail se expôs por amar sua família, e no fim das contas, se tornou rainha de sua nação. Jesus se expôs por amor a nós, e enfim, voltou para o Seu lugar de direito, Seu Trono, com uma penca de irmãos... Ele é tão bom. Sofreu para compartilhar o que era só dEle. Loucura, você diria?!


Podemos chamar de paixão. Que ao contrário do que me ensinaram durante toda a minha vida, apaixonar-se não é feio, não se você se apaixona por Jesus. Sempre me disseram que paixão é passageira. Se assim for, eu sou permanentemente apaixonada por Jesus. Porque é a paixão do começo de um relacionamento que nos permite fazer loucuras, coisas "insensatas", e nos tornar vulnerável a alguém. Desculpe, você pode chamar tal coisa de primeiro amor. Eu sei, é mais bonitinho, se você poupa palavras com Deus. Não te aconselharia a fazer isso, mas se insiste.

De qualquer forma, eu estou escrevendo esse artigo porque eu passei todo esse tempo evitando a dor. Escondi a mim mesma para não sofrer. Contudo, o que eu temia me sobreveio. Eu sofria porque, no meio dessa bagunça toda, acabei me escondendo de Deus também, ou tentando me esconder, melhor dizendo. De fato, não O conhecia como o conheço hoje: Ele é bom! Não tenha medo.


Não importa o quanto você corra de Seu amor, Ele sempre te acha. Ele é um Pai zeloso. Ele conhece você. E deixaria noventa e nove só por você. Porque Ele se importa. Ele se fez vulnerável para isso. Ele escolheu isso. Ele escolheu nos amar, a decisão foi dEle. E ainda faria tudo o que fez mesmo que fosse só por você. Desculpa, eu não peço desculpas por ser repetitiva, mas, Ele é bom. Cola um post-it na sua testa se for necessário, mas não se esqueça que Deus é bom. Ele não ama mais ou menos, Ele é o próprio Amor.


foto capa | graphic nº2 | graphic nº 4 via Pinterest

foto | graphic nº3 por moi


C'est tout,

S. x

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Blog Design by Kotryna Bass Design